Alimentação Saudável na prevenção de doenças

25/11/2015

#Blog

A expectativa de vida da população brasileira tem crescido a cada ano. Segundo dados do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), quem nascia em 1980 tinha a esperança de viver 62,5 anos. Passadas três décadas, esse número pulou para 74,1 anos. Para chegar lá com qualidade, é preciso ter uma vida equilibrada e saudável e alguns alimentos podem ajudar nessa trajetória.

Os alimentos além de atuar em funções nutricionais básicas, irão auxiliar efeitos benéficos à saúde quando consumidos regularmente,nutricionista Cátia Cristina Guerbali, do Hospital Alemão Oswaldo Cruz, explica que certos alimentos possuem componentes ativos capazes de reduzir o risco de certas doenças como as cardiovasculares, intestinais e alguns tipos de câncer. Além disso, oferecem melhora importante na função imunológica e têm propriedades antioxidantes.

“A dieta rica em alimentos de origem vegetal, hortaliças, frutas, chás, trigo e peixes pode proporcionar melhora na imunidade celular contra diferentes micro-organismos e células doentes. Já os produtos ricos em vitaminas C, E, zinco e betacaroteno protegem o corpo contra a oxidação provocada pelos radicais livres”

A seguir, veja os 20 alimentos que desempenham um importante papel para manter a saúde:

Abacate: um estudo publicado no México na década de 1990 mostrou que pessoas que consomem essa fruta tiveram uma queda no nível de colesterol ruim (LDL) e aumento do colesterol bom (HDL).
Grãos integrais: a fibra contida nesses alimentos (como pães e arroz integral e aveia) se liga às moléculas de colesterol do seu organismo e as leva para fora do seu corpo.
Azeite de oliva: estudos mostraram que pessoas com 65 anos ou mais que usavam óleo de oliva para cozinhar ou temperar a salada tinham 41% menos de chances de sofrer um AVC.
Nozes: ricas em gordura monosaturada, vitamina E, ômega-3 e alfa-linolênico, reduzem os níveis de colesterol ruim no sangue e diminuem as chances de doenças do coração, segundo a American Heart Association .

imagem-1

Alimentos com fitoesteróis: encontrados em algumas margarinas e produtos à base de soja, essas substâncias competem com o colesterol durante a digestão e impedem a sua absorção.
Salmão e atum: consumir peixes ricos em ômega-3 duas vezes por semana diminui os riscos de ataque cardíaco, graças ao aumento do colesterol bom no sangue e a quedra nos níveis de triglicérides.

imagem-2

Aspargos: muito utilizado na Europa, o vegetal diminui naturalmente a pressão arterial, reduzindo as chances de um ataque cardíaco causado por anos de alimentação errada e artérias entupidas.

Romã: a fruta contém substâncias antioxidantes que protegem a parede das artérias. O suco da fruta também estimula o corpo a manter a pressão arterial sob controle.

Brócolis: rico em vitamina K, que protege as veias. O alimento também é uma importante fonte de fibra, o que ajuda a manter a pressão arterial e o colesterol sob controle.

Açafrão: o tempero é considerado um poderoso antiinflamatório e ajuda a controlar problemas como a arteriosclerose.

Caqui: cheia de polifenóis e com o dobro de fibras e antioxidantes de uma maçã, a fruta ajuda no controle dos níveis de triglicérides.

Suco de laranja: de acordo com estudo publicado no American Journal of Clinical Nutrition , ingerir dois copos da bebida pode diminuir a pressão arterial e ainda melhorar as funções dos vasos sanguíneos.

Spirulina: esta alga esverdeada (comumente encontrada na forma de suplementação em pó) ajuda o fígado a processar o colesterol, reduzindo seus níveis no organismo.

Canela: apenas uma colher de chá deste poderoso antioxidante diminui a gordura no sangue, prevenindo a formação de bloqueios.

Cranberries: rica em potássio, estas frutinhas diminuem consideravelmente os riscos de ataque cardíaco, de acordo com inúmeras pesquisas médicas.

imagem-3

Café: uma pesquisa holandesa mostrou que pessoas que bebem pelo menos duas xícaras de café por dia (mas não mais do que quatro) tiveram as chances de sofrer um ataque cardíaco reduzidas em 20%, indicando que o consumo moderado é benéfico.

 

Queijo: um estudo recente do Brigham and Women’s Hospital Harvard Medical School descobriu que consumir três porções de queijos magros ajuda a reduzir a pressão arterial do corpo.

 

Chá verde: a bebida é rica em catequinas, substâncias que se mostraram eficientes em baixar os níveis de colesterol do organismo, ajudar na perda de peso e ainda prevenir tumores.

 

Melancia: um estudo realizado na Universidade da Flórida indicou que a melancia é capaz de alargar os vasos sanguíneos, reduzindo assim a pressão sobre eles.

 

Espinafre: rico em potássio e acido fólico, a verdura reduz as chances de doenças cardíacas em 11%.

Veja abaixo este vídeo do nosso parceiro Sulamérica sobre alimentação saudável e sobre peso.

https://www.youtube.com/watch?v=sPvSO70YDLU&feature=youtu.be

Você também poderá gostar de

25/11/2015

#Planos de Saúde

Qualidade de vida no trabalho

O que é qualidade de vida ? Segundo a Organização Mundial da Saúde, Qualidade de Vida é […]




25/11/2015

#Planos de Saúde

Planos de saúde – entenda seu reajuste!

Um dos principais assuntos falados quando tratamos de planos de saúde é o reajuste. Muitos consumidores não […]